Índia. Tribo ameaçada de extinção afectada por Covid-19

Dez membros de uma tribo ameaçada de extinção que mora nas ilhas Andaman, um arquipélago indiano no golfo de Bengala, contraíram COVID-19, informaram as autoridades indianas esta quinta-feira.

A tribo em questão, que vive na pequena ilha de Strait, no arquipélago das Andaman, possui cerca de meia centena de membros e depende completamente do governo indiano para a sua subsistência.

O arquipélago, que separa o Golfo de Bengala do mar da Birmânia, conta com uma população de aproximadamente 400.000 habitantes. Oficialmente, foram registados 2.268 casos de contágio e 37 mortes por COVID-19.

O vírus já atingiu drasticamente tribos no Brasil e no Peru, incluindo algumas tribos isoladas da Amazónia.

De acordo com a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil, 26.000 indígenas foram infectados e 690 morreram devido à pandemia de coronavírus.

A Índia é o terceiro país mais afectado do mundo, atrás dos Estados Unidos e do Brasil, com mais de três milhões de casos da doença e cerca de 60.000 mortes vítimas da COVID-19.

As autoridades indianas enviaram no domingo uma equipe médica à ilha de Strait para avaliar a situação, depois de seis membros da tribo terem testado positivo em Port Blair, capital do arquipélago.

Alguns membros da tribo costumam viajar para Port Blair, onde trabalham na administração pública: “A equipe analisou 37 amostras e quatro membros da tribo deram positivo para a COVID-19. “Foram hospitalizados”, disse à AFP Avijit Ray, um funcionário indiano.

Estima-se que cerca de 5.000 representantes desta etnia viviam nas ilhas Andaman quando os colonos britânicos chegaram no final do século XIX.

Centenas morreram a defender o seu território e outros milhares sucumbiram a doenças importadas, como a gripe e o sarampo, segundo a Survival International, uma ONG para a defesa dos povos indígenas, com sede em Londres.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.