Venetian Macao: Óscares do cinema asiático entregues no próximo sábado

“The Legend of the Demon Cat”, de Chen Kaige, é o filme que recolheu um maior número de nomeações, mas falhou o assalto à estatueta de melhor filme. As películas em língua chinesa voltam este ano a dominar a competição.

O “The Venetian Macao” acolhe no próximo sábado a 12.ª edição da cerimónia de atribuição dos Asian Film Awards, um certame que volta este ano a ser dominado por filmes de língua chinesa. “The Legend of the Demon Cat”, película realizada por Chen Kaige tendo por base a obra homónima do escritor japonês Yoneyama Mineo, deverá ser um dos filmes da noite, com nomeações em seis categorias.

Épico de fantasia que chegou às salas de cinema antes do Natal, “Demon Cat” não está nomeado para a categoria de melhor filme, mas valeu a Chen Kaige uma nomeação na categoria de melhor realizador.

O último filme de Chen Kaige está nomeado em seis categorias, mas falhou o assalto à estatueta de Melhor Filme.

Os nomes dos vencedores foram escolhidos ao longo dos últimos dois meses por um júri liderado por Tony Ching Siu-tung, um veterano realizador de filmes de acção. Os prémios vão ser atribuidos no próximo sábado no Venetian Macao, dois dias antes do início da convenção FilMart e da edição de 2018 do Festival Internacional de Cinema de Hong Kong.

Para além de “The Legend of the Demon Cat”, quatro outros filmes – com quatro nomeações cada – estão em evidência entre os nomeados. “Angels Wear White”, um drama sobre abuso sexual, é uma das películas na corrida pelo troféu de Melhor Filme, tendo garantido ainda a Vivian Qu uma nomeação na categoria de Melhor Novo Realizador. Feng Xiaogang, veterano cineasta da República Popular da China, está nomeado para a categoria de Melhor Realizador com o filme “Youth”, obra que compete também na categoria de Melhor Filme.

Radicada em Hong Kong, a realizadora formosina Sylvia Chang viu o seu último filme, “Love Education” recolher cinco nomeações, entre as quais a indicação para a estatueta de Melhor Realizador. O filme “The Third Murder”, de Kore-eda Hirokazu, foi a produção noutra língua que não o chinês que foi agraciado com um maior número de nomeações: quatro, entre as quais a nomeação para a categoria de Melhor Filme.

Para além de “The Third Murder”, “Youth” e “Angels Wear White”, na corrida pelo galardão de Melhor Filme estão ainda o sul-coreano “The Day After” e o indiano “Newton”, película que foi exibida em Dezembro no território, na segunda edição do Festival Internacional de Cinema de Macau.

Entre os filmes com quatro nomeações cada estão “Our Time Will Come”, de Ann Hui, a produção formosina “The Great Buddha”, o filme indonésio “Marlina the Murderer in Four Acts” e “Wilderness”, do realizador sul-coreano Yang Ik-jun.

“Este anos vamos celebrar a excelência da artes marciais no cinema asiático, ao dar o devido reconhecimento aos cineastas asiáticos que se distinguiram neste domínio e ao providenciar uma plataforma para que novos actores se possam afirmar”, disse à revista Variety Wilfred Wong Ying-wai, que preside tanto aos Asian Film Awards como ao Festival Internacional de Cinema de Hong Kong. A actriz Kara Hui vai receber o prémio de Excelência no Cinema Asiático na cerimónia agendada para o próximo sábado.

 

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.