Taiwan: Associação dos Amigos de Hong Kong e Macau com nova liderança

Apresenta-se com a missão de promover a comunicação e o diálogo entre Taiwan e as Regiões Administrativas Especiais de Macau e Hong Kong e quer ser vista como uma “voz racional e amigável” no contexto das relações entre Pequim e Taipé. Cheng Wen-tsan, Mayor de Taoyuan, foi ontem eleito para a presidência da Associação dos Amigos de Hong Kong e Macau.

O presidente da Câmara Municipal da cidade formosina de Taoyuan, Cheng Wen-tsan, foi eleito no domingo para a liderança da Associação dos Amigos de Hong Kong e Macau (Friends of Hong Kong and Macau Association).

Em declarações ao portal noticioso Focus Taiwan, Cheng disse após ter sido eleito que espera que o organismo se continue a afirmar como uma plataforma para a comunicação e o diálogo entre as quatro regiões dos dois lados do Estreito, expressão que é utilizada para referir a República Popular da China, Taiwan e as Regiões Administrativas Especiais de Macau e de Hong Kong.

O autarca de Taoyuan considera que as relações entre as duas margens do estreito de Taiwan são cruciais. Depois de assumir plenamente o cargo para o qual foi ontem eleito, em Assembleia Geral, Cheng Wen-tsan vai procurar atrair mais jovens e fomentar o intercâmbio e o diálogo entre as partes.

O autarca e líder associativo espera que se possam verificar contactos mais próximos e uma melhoria nas relações entre as populações da Formosa, da China Continental, de Hong Kong e de Macau.

Ainda que a questão das relações interregionais suscite diferentes posições em Taiwan, um traço comum diz respeito à esperança de que a Formosa possa manter os valores democráticos que moldam a sociedade formosina, ao mesmo tempo que defendem que a diferença de perspectivas entre as partes deve ser discutida em clima de paz.

Cheng Wen-tsan reconhece que a oposição ao fomento das relações entre ambas as margens do Estreito de Taiwan tem vindo a crescer e que a tendência não pode ser vista como positiva. A Associação dos Amigos de Hong Kong e Macau é uma plataforma para a comunicação, o diálogo e a ajuda mútua e procura afirmar-se como “uma voz racional e amigável” no contexto das relações entre Taipé e Pequim.

A organização, que adoptou a presente designação em 1992, foi criada em 1986, de acordo com o seu portal electrónico. O propósito auto-confesso do organismo é o de promover a amizade entre os residentes de Hong Kong, de Macau e da Formosa, ao mesmo tempo que pugna pela preservação de valores como a liberdade, a democracia, a estabilidade e a prosperidade nas três regiões.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.