Rota das Letras cancelou convite a autores por temer que fossem barrados

Personas non-gratas. Os responsáveis pela organização do Festival Literário Rota das Letras terão sido advertidos que a presença no território de três dos autores que integravam o programa da iniciativa poderia não ser tolerada. As autoridades locais disseram à agência Lusa que desconhecem a situação.

A organização do Festival Literário de Macau – Rota das Letras cancelou o convite que fez a quatro escritores por recear que os autores possam ser barrados à entrada no território. Em declarações à agência Lusa as autoridades locais alegam desconhecer a situação.
“Fomos informados oficiosamente de que não era oportuna a vinda de três escritores convidados ao território, não estando assegurada a sua entrada em Macau”, afirmou o diretor de programação do festival, Hélder Beja, em declarações divulgadas pela emissora em língua portuguesa da Rádio Macau.

Suki Kim passou seis meses infiltrada na Coreia do Norte.

Os autores em causa são o antigo agente dos serviços secretos norte-americanos (CIA) James Church, a sino-britânica Jung Chang e a nortea-amercicana de ascendência coreana Suki Kim.
Confrontadas com as declarações, as autoridades do território garantiram à Lusa não estarem ao corrente da situação: “Desconhecemos essa informação”.
Perante a alegada posição das autoridades do território, os responsáveis pela Rota das Letras optaram por cancelar o convite endereçado aos três autores visados: “Nestas condições, não quisemos colocar os escritores na situação de não conseguirem entrar em Macau e decidimos cancelar o convite”, sublinhou Hélder Beja.
Jung Chang é a autora de “Mao: a história desconhecida ” e de “Cisnes Selvagens”. Suki Kim passou seis meses infiltrada na Coreia do Norte, e James Church é o autor da série de romances policiais “Inspector O”.
Também a dissidente e activista dos direitos humanos norte-coreana Hyeonseo Lee, que fugiu da Coreia do Norte em 1997, com 17 anos, cancelou a presença na Rota das Letras, “por motivos de ordem pessoal”, de acordo com um comunicado da organização, divulgado esta segunda-feira.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.