Amazon apresenta sistema de pagamento com a palma da mão

A Amazon apresentou, nesta terça-feira, um novo sistema de pagamento biométrico que utiliza o reconhecimento da palma da mão e que poderá ser usado para substituir credenciais à entrada de estádios e salas de espectáculo ou mesmo nos locais de trabalho.

O sistema chamado Amazon One foi anunciado como “uma forma rápida, conveniente e sem contacto para que as pessoas usem a palma da mão para realizar actividades quotidianas, como fazer pagamentos numa loja, apresentar um cartão de cliente, entrar em recintos como estádios ou salas de espectáculos ou até aceder ao local de trabalho com mais facilidade”.

A gigante da tecnologia norte-americana informou que vai instalar o sistema nas lojas de comércio a retalho da Amazon Go, começando com duas lojas na cidade que a viu nascer, Seattle, no estado norte-americano de Washington.

O vice-presidente da Amazon, Dilip Kumar, disse que o sistema foi desenvolvido como “uma forma rápida, confiável e segura para que as pessoas se identifiquem, ou autorizem uma transacção enquanto seguem sem problemas durante o dia”.

A Amazon One usa a palma “única” de cada indivíduo, uma alternativa a outros identificadores biométricos, como a impressão digital, o reconhecimento do olho, ou reconhecimento facial.

“Não há duas palmas iguais. Analisamos todos esses aspectos com a nossa tecnologia e seleccionamos os identificadores mais distintivos na palma da mão para criar assinaturas personalizadas”, explicou Kumar, numa publicação no blog da empresa.

A Amazon afirmou que os dados biométricos estariam “protegidos por múltiplos controlos de segurança e que as imagens da palma da mão nunca ficariam armazenadas no dispositivo Amazon One”, mas que seriam enviadas para uma “área altamente segura que construímos na nuvem”.

A empresa disse que está “em negociações activas com vários clientes potenciais”, que podem incluir outros retalhistas, mas não forneceu detalhes.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.