Inédito. Grande Prémio de Motos termina sem vencedor (c/vídeo)

É uma decisão inédita em 53 anos de história. A edição de 2019 do Grande Prémio de Motos de Macau terminou este sábado sem que um vendedor da prova fosse declarado. A corrida foi interrompida quando ainda faltavam disputar sete voltas, na sequência de um aparatoso acidente que envolveu seis pilotos e obrigou à hospitalização de três.

O canadiano Dan Kruger, o finlandês Erno Kostamo e o irlandês Dereik Sheils foram transportados ao Centro Hospitalar Conde de São Januário, depois de se terem envolvido num despiste que afectou três outros pilotos. Kruger, Kostamo e Sheils estavam conscientes quando foram retirados do traçado da Guia, informou a Comissão Organizadora do Grande Prémio.

O acidente obrigou a organização a levantar a bandeira vermelha pela segunda vez na corrida, depois de um primeiro despiste, envolvendo Robert Hodson e o checo Marek Cerveny ter forçado à interrupção da corrida quando estavam cumpridas pouco mais do que três voltas. O piloto português André Pires, que tinha largado para a corrida da 21a posição da grelha de partida, sofreu uma queda ligeira logo na primeira volta, após o gancho da Melco, e já não regressou à corrida.

A segunda bandeira vermelha levou a Comissão do Grande Prémio a cancelar a prova de forma definitiva sem que um vencedor fosse declarado, numa altura em que Peter Hickman dominava as operações no traçado urbano do território. O piloto britânico só não liderou a corrida durante uma volta, depois de ter perdido a primeira posição para o veterano Michael Rutter.

A Comissão do Grande Prémio justificou a decisão de não atribuir a vitória nem a Hickman, nem a Rutter – que completou a última volta válida na liderança da corrida – por considerar que não foi cumprido o número de voltas competitivas necessárias para que a corrida fosse validada.

A 52a edição do Grande Prémio de Macau foi ganha por Peter Hickman, o britânico ficou em segundo lugar na mesma prova em 2017, ano em que a competição ficou assombrada pelo acidente mortal que vitimou o britânico Daniel Hegarty.

2 Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.