Poesia e papel de arroz. Casa Garden recebe mostra de Chen Yu

A inauguração da exposição, que reune rostos de poetas, está marcada para a próxima terça-feira, 13 de Abril. Nesse mesmo dia, a Casa Garden acolhe ainda um recital de poesia dita por poetas e outros escritores.

A representação da Fundação Oriente em Macau acolhe a partir da próxima terça-feira uma exposição do artista plástico Chen Yu em que os caminhos da pintura e da literatura se cruzam. A mostra, que integra o programa do Festival Literário Rota das Letras, é composta intgralmente por rostos de poetas, quer portugueses, quer estrangeiros.
Patente ao público até 13 de Abril, a exposição é constituída por trabalhos produzidos em tinta da china sobre papel de arroz e conta com curadoria de Yao Jinming, o poeta e tradutor que dirige actualmente o Departamento de Português da Universidade de Macau, explica na nota de apresentação da exposição que, antes ainda de procurar retratar os artistas Chen Yu estudou a escrita e a vida dos escritores com o propósito de “criar cumplicidades” e “captar algo do seu espírito e da sua alma”.
Nascido em Leizhou, na vizinha província de Guangdong, em 1975, Chen Yu vive em Songzhuang, nas imediações de Pequim. O artista completou um mestrado em pintura, em 2008, na Universidade de Belas Artes de Guangzhou.
Depois da inauguração da mostra, a Casa Garden acolhe uma sessão de leitura de poesia dita por poetas e outros escritores, alguns dos quais estarão em Macau para a edição de 2018 do Festival Literário Rota das Letras.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.