Número de visitantes caiu quase onze por cento em Novembro

O território recebeu em Novembro 2.910.118 de visitantes, uma queda de 10,9 por cento relativamente a igual período do ano passado, indicam dados oficiais divulgados esta quinta-feira.

De acordo com a Direcção dos Serviços de Estatísticas e Censos (DSEC), o número de excursionistas (1.501.711) e de turistas (1.408.407) diminuiu 10,5 por cento e 11,4 por cento, respectivamente, no período em análise.

Os visitantes, na sua esmagadora maioria (2.030.742) provenientes do interior da República Popular da China, permaneceram em Macau, em Novembro, por um período médio de 1,2 dias.

De acordo com a DSEC, os visitantes provenientes da Coreia do Sul (42.968) e de Hong Kong (571.071) desceram 36,5 por cento e 3,4 por cento, respectivamente, em termos anuais. Em contrapartida, o número de visitantes de Taiwan (83.006) ascendeu 1,1 por cento.

Nos onze primeiros meses do ano, Macau recebeu 36.322.775 de visitantes, mais 12,7 por cento face ao período homólogo do ano transacto.

No final do mês passado, a responsável pelo turismo de Macau, Maria Helena de Senna Fernandes, admitiu que o número de visitantes pode ascender aos 40 milhões em 2019, apesar da diminuição dos turistas internacionais devido à grave crise social e política da cidade vizinha de Hong Kong: “Este ano o número vai ser próximo dos 40 milhões, senão maior que 40 milhões”, disse a directora dos Serviços de Turismo de Macau, Maria Helena de Senna Fernandes, à margem da conferência de apresentação do Festival de Luz de Macau 2019.

No entanto, para atingir este recorde, a capital mundial do jogo terá de receber, neste mês de Dezembro, perto de 3,7 milhões de visitantes.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.