Sociedade de Jogos de Macau arrecadou 2,86 milhões de patacas em leilão solidário

O leilão anual da Sociedade de Jogos de Macau (SJM), realizado na quinta-feira, arrecadou 2,86 milhões de patacas (cerca de 320 mil euros). O montante foi distribuídos por dez associações de solidariedade social, foi esta quinta-feira anunciado.

“Este é o nosso 13.º leilão de solidariedade, que coincide este ano com o 20.º aniversário do retorno de Macau à pátria. É com grande satisfação que vemos o montante alcançado ser entregue a causas dignas em Macau, seguindo a tradição criada pelo nosso fundador, Stanley Ho”, disse a filha e presidente do conselho de administração da Sociedade de Jogos de Macay, Daisy Ho.

O montante angariado foi entregue a dez associações como a Santa Casa da Misericórdia, a Caritas, a Obra das Mães ou o Macau Special Olympics, entre outros.

Fundada pelo magnata Stanley Ho, a SJM é uma das seis operadoras de jogo em Macau. O grupo opera 22 casinos no território e espera abrir, no próximo ano, o ‘resort’ Grand Lisboa Palace, o primeiro da Sociedade de Jogos de Macau no Cotai, faixa de casinos entre as ilhas da Taipa e de Coloane.

O primeiro grande casino-hotel da Sociedade de Turismo e Diversões de Macau, antecessora da Sociedade de Jogos de Macau como operador de jogo e sociedade-mãe da SJM, foi o Lisboa, construído na década de 60, seguindo-se o Grand Lisboa, em 2007.

A Região Administrativa Especial de Macau foi estabelecida em 20 de Dezembro de 1999, com a transferência da administração de Portugal para a República Popular da China.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.