Ki Sung-yeung abandona selecção sul-coreana

O médio do Newcastle, Ki Sung-yeung, anunciou esta quarta-feira o fim da sua carreira na seleção da Coreia do Sul, onze anos depois de ser ter estreado e depois de ter disputado a Taça Asiática a pedido do selecionador, o português Paulo Bento.

Numa carta divulgada no sítio da Associação de Futebol da Coreia do Sul (KFA), Ki, de 30 anos, reconheceu a “grande honra e responsabilidade” de ter alinhado na selecção nacional.

O médio já tinha expressado o desejo de se retirar da selecção depois do Mundial2018, mas decidiu alinhar na Taça Asiática, que está a ser disputada nos Emirados Árabes Unidos, perante a insistência de Paulo Bento.

No entanto, Ki só jogou o primeiro encontro, frente às Filipinas (vitória por 1-0), em 7 de Janeiro, devido a uma lesão nos isquiotibiais. Entretanto, a Coreia do Sul foi eliminada nos quartos de final pelo Qatar (1-0): “A equipa nacional está a atravessar um momento difícil, depois de não termos conseguido cumprir as expectativas na Taça Asiática, mas creio que os nossos jogadores vão superar as dificuldades sob a orientação de Paulo Bento”, acrescentou Ki.

O médio, que já jogou por clubes como o Celtic e o Swansea, estreou-se na seleção em 5 de Setembro de 2008, frente à Jordânia, contando um total de 110 jogos, tendo marcado 10 golos. Foi ainda capitão da selecção entre 2015 e 2018.

Ki termina a carreira internacional como o oitavo jogador com mais jogos pela selecção sul-coreana, uma hierarquia liderada por Cha Bum-kun e Hong Myung-bo, ambos com 136 jogos.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.