Rússia. Alexei Navalny transferido para um hospital para reclusos

Fotografia: Liza Poooor/Unsplash

O opositor russo Alexei Navalny, que se encontra em greve de fome na prisão desde 31 de Março, foi transferido para um hospital para reclusos numa prisão situada nas imediações, informou esta segunda-feira o Serviço Federal Penitenciário da Rússia (FSIN, sigla em russo).

“Foi tomada a decisão de transferir Alexey Navalny para o hospital regional para condenados, que se encontra no centro prisional IK-3”, assinalou em comunicado o departamento do FSIN para a região de Vladimir, onde o opositor cumpre a condenação.

De acordo com o FSIN, Navalny é examinado diariamente por um médico e o seu estado de saúde “é avaliado como satisfatório”: “Com o acordo do paciente, foi-lhe prescrito um tratamento com vitaminas”, acrescentou as autoridades prisionais.

Segundo avançaram os colaboradores de Navalny no fim-de-semana, a sua vida está “por um fio”, pois tem graves problemas de saúde e não pode ver o seu médico de confiança.

A esposa de Navalny, Yulia Navalnaya, visitou-o na semana passada na prisão e alertou de que tinha perdido muito peso e falava com dificuldade: “Pesa 76 quilos, quando mede 1,90. Depois do meu encontro com o Alexei, estou ainda mais preocupada com ele”, disse Navalnaya. “Nunca vi uma cara tão esquelética, mas não tem intenção de desistir”, disse.

O opositor, de 44 anos, perdeu 16 quilos desde que entrou na prisão em Fevereiro e nove desde que iniciou a sua greve de fome em protesto contra a recusa do serviço prisional em permitir que fosse examinado por um médico da sua confiança.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.