Cidadão da República Popular da China detido por tráfico de droga

Fotografia: Macau Photo Agency/Unsplash

Um cidadão da República Popular da China foi detido na noite de quarta-feira no centro da Taipa por suspeita de tráfico de droga. As autoridades do territórios apreenderam ainda 22,18 gramas de quetamina e 12,8 gramas de “happy powder” no valor de 35 mil patacas, anunciou esta semana a Polícia Judiciária.

O suspeito, um trabalhador não-residente de apelido Zhao que estava alojado desde há algum tempo numa unidade hoteleira do Cotai, foi colocado pela polícia de investigação do território sob vigilância na quarta-feira à noite, depois da PJ ter recebido informações que ligavam o homem a uma rede de tráfico de estupefacientes.

Às 23 horas de quarta-feira, Zhao – que exerce funções como trabalhador de limpeza  – saiu do hotel e entrou num táxi com destino ao centro da Taipa. O suspeito foi interceptado na posse dos estupefacientes pouco depois de chegar ao seu destino.

Depois de interrogado pela Polícia Judiciária admitiu o consumo de estupefacientes, mas negou o envolvimento numa rede de tráfico de droga, recusando-se a cooperar com as autoridades. O homem, de 46 anos, admitiu que viaja frequentemente entre Macau e o Continente e as autoridades do território suspeitam que obtenha os estupefacientes no outro lado das Portas do Cerco para vender em Macau. O caso foi transferido para o Ministério Público, com Zhao a enfrentar acusações por tráfico e consumo de estupefacientes.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.