Eslováquia. Ministro quer Igrejas abertas para que se reze pelo fim da pandemia

Fotografia: Michael Schaffler/Unsplash

Um ministro eslovaco solicitou a reabertura das igrejas, sob medidas de segurança, para que as pessoas recebam “ajuda espiritual” e possam rezar.  Milan Krajniak  alega que em 1710 as orações dos fiéis conseguiram o “milagre” de acabar com uma pandemia de peste na cidade de Trnava.

“Aconteceu um milagre. A partir desse momento a peste acabou. A partir desse momento ninguém em Trnava morreu com a peste”, assegurou o ministro do Trabalho eslovaco, Milan Krajniak, na rede social Facebook.

Segundo o site “Our World in Data”, ligado à universidade britânica de Oxford, a Eslováquia registava no sábado uma média de 16,22 mortos por milhão de habitantes em sete dias, a taxa mais alta de mortalidade por SARS-CoV-2 em todo o mundo.

Krajniak, membro do partido populista Sme Rodina (“Somos uma Família”), afirmou que tanto os utentes como os funcionários dos lares da terceira idade pedem “assistência espiritual com cada vez mais insistência”.

O ministro defende que, apesar de não ter “estudos científicos ou provas disso”, as pessoas que recebem assistência espiritual recuperam melhor das doenças: “A assistência espiritual e a oração não podem fazer dano às pessoas, e parece até que em muitos casos evidentemente lhes ajuda”, defende o político conservador, cujo partido está integrado no “Movimento por uma Europa de Nações e Liberdades”, o grupo do Parlamento Europeu ao qual pertencem também pontificam os partidos de extrema-direita italiano Liga, de Matteo Salvini, o francês Agrupação Nacional de Marine Le Pen ou o austríaco FPÖ.

Como tal, Krajniak propõe abrir as igrejas, fechadas desde 1 de Janeiro, para a realização de serviços religiosos e permitir às pessoas que rezem “por todo o povo da Eslováquia, tanto os crentes como os não crentes”.

O ministro deu como exemplo, “verificável historicamente”, a cura da peste na cidade de Trnava em 1710, onde os habitantes, depois de seis meses de epidemia, os habitantes imploraram pela ajuda da Virgem Maria, que, assegura o ministro, causou o milagre do desaparecimento da doença.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.