Moderna vai fornecer 10 milhões de doses a Taiwan

A Moderna vai fornecer a sua vacina contra a Covid-19 aos governos de Taiwan e da Colômbia, disse a farmacêutica norte-americana. A empresa vai fornecer cinco milhões de doses à Formosa e dez milhões de doses ao país sul-americano.

A vacina contra a Covid-19 da Moderna ainda não recebeu autorização de uso em nenhum destes países, e o comunicado da empresa disse que a farmacêutica vai trabalhar com as agências reguladoras da Colômbia e da Formosa para solicitar as aprovações necessárias antes do início da distribuição do fármaco.

Espera-se que as entregas comecem em meados de 2021, acrescentou a empresa.

No final de Dezembro, Taiwan disse ter acertado a compra de quase 20 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19, sendo 10 milhões da farmacêutica britânica AstraZeneca, e o resto do programa global de vacinas Covax e de uma companhia não identificada.

Taiwan não anunciou o acordo com a Moderna e mantém os detalhes dos seus planos de vacinação praticamente em segredo, citando a confidencialidade comercial.

O ministro da Saúde de Taiwan, Chen Shih-chung, disse aos jornalistas que as vacinas, que precisarão de ser administradas em duas doses com 28 dias de intervalo, devem começar a chegar perto de Maio ou Junho e que um acordo de 5,05 milhões de doses foi assinado.

Nesta semana, o governo taiwanês disse que também receberá 200 mil doses da vacina da AstraZeneca por meio do Covax e que a vacinação pode começar no mês que vem.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.