EUA. Défice comercial cresce 17,6 por cento em 2020

O défice no comércio exterior de bens e serviços dos Estados Unidos da América (EUA) aumentou 17,6 por cento em 2020, apesar da política proteccionista do então presidente Donald Trump.

As contas da balança comercial norte-americana fecharam em 678 mil milhões de dólares, o valor mais alto desde 2008, informou no sábado o Departamento de Comércio. O saldo negativo do comércio exterior, que Trump denunciou como um dos maiores defeitos da economia americana, cresceu em três dos quatro anos do seu mandato mas, mesmo assim, não atingiu a cifra recorde de mais de 783 mil milhões de dólares registados em 2006.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.