Dinamarca vai impôr novas restrições contra a Covid-19

A Dinamarca vai anunciar esta segunda-feira novas restrições para evitar a disseminação do novo coronavírus, devido ao alto nível de casos de Covid-19. O anúncio foi feito na noite de domingo pela primeira-ministra Mette Frederiksen, que citou um plano de “semiconfinamento selectivo” nas três principais cidades do país.

“Seguindo as recomendações que recebemos das autoridades, preparamos no fim de semana um semi-confinamento selectivo e geográfico”, indicou a chefe de Governo num vídeo publicado nas redes sociais na noite de domingo.

As medidas serão aplicadas nas regiões mais afectadas do país: Copenhaga  e arredores, Aarhus, no oeste e Odense, no centro, do país.  “Temos que controlar a pandemia até ao Natal”, declarou a primeira-ministra, depois de a Dinamarca ter anunciado um novo recorde de 1.745 casos diários.

À excepção dos territórios autónomos da Gronelândia e das Ilhas Faroe, onde ainda não houve óbitos, o país, de 5,8 milhões de habitantes, já registou 90 mil casos e 885 mortos pela Covid-19.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.