Erro humano na origem de acidente de autocarro na Taipa

O condutor do autocarro que a 7 de Novembro se enfaixou num restaurante na vila da Taipa terá tido responsabilidades na ocorrência. A possibilidade foi aventada na sexta-feira na Assembleia Legislativa por Lam Him Sam, durante a sessão de apresentação das Linhas Sectoriais de Acção Governantiva relativas à pasta dos Transportes e Obras Públicas.

O responsável pela Direcção para os Assuntos de Tráfego revelou que organismo que lidera já tem em seu poder o relatório preliminar do incidente. Lam Him Sam adiantou ainda que as conclusões vão ser tornadas públicas dentro em breve. Nas declarações que prestou no hemiciclo, o governante deixou a entender que houve erro humano, relacionado com o cansaço do condutor:  “O incidente deveu-se, principalmente, ao motorista e vamos também dialogar com as empresas [concessionárias] para darem mais tempo para os motoristas descansarem”, afirmou Lam Him San, citado pela emissora em língua portuguesa da Rádio Macau.

Na altura da ocorrência, as autoridades adiantaram que as primeiras investigações apontavam para falha mecânica. A Direcção para os Assuntos de Tráfego chegou a retirar de circulação uma dezena e meia de autocarros semelhantes ao que esteve na origem do acidente. Sete pessoas ficaram feridas, uma das quais com gravidade.


Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.