Morreu Dave Prowse, o “Darth Vader” original

O actor britânico Dave Prowse, que interpretou Darth Vader na trilogia original da “Guerra das Estrelas”, faleceu no sábado aos 85 anos, informou neste domingo o seu agente, Thomas Bowington.

“Anunciamos, com enorme tristeza, que nosso cliente Dave Prowse faleceu ontem (sábado) aos 85 anos”, escreveu o agente no Facebook. “Que a força esteja com ele, sempre”, declarou o representante à BBC, recordando a frase usada pelos protagonistas de saga idealizada por George Lucas. “É uma perda realmente dolorosa para nós e para milhões de fãs um pouco por todo o mundo”, completou.

O actor norte-americano Mark Hamill, que interpretou Luke Skywalker, o seu filho na saga, homenageou no Twitter um “bom homem”, que era “muito mais que Darth Vader”: “Actor, marido, pai, membro da Ordem do Império Britânico, três vezes campeão britânico de halterofilismo. Ele adorava os seus fãs tanto quanto eles o amavam”.

Dave Prowse, um antigo fisioculturista que se tornou actor, conseguiu o papel na célebre trilogia graças a sua aparência, pois tinha 1,98 metros de altura.

Mas o forte sotaque de Bristol, oeste da Inglaterra, foi considerado pouco apropriado para o personagem e a produção escolheu o actor James Earl Jones para dar voz ao grande vilão.

Prowse representou a Inglaterra no levantamento de peso dos Jogos da Commonwealth no início dos anos 1960, antes de iniciar a carreira como actor.

Com  a sua impressionante armadura negra, respiração metálica e uma série de poderes supra-humanos, Darth Vader é um dos ‘vilões” mais marcantes da história do cinema. A frase “Eu sou o teu pai” é uma das mais repetidas pelos fãs da saga criada por George Lucas.

“Vader é o vilão mais importante da história”, disse Dave Prowse à AFP em 2013, durante um festival dedicado à Guerra das Estrelas em Cusset, na França.

Durante muitos anos, o actor viajou pelo mundo para participar em convenções de fãs da trilogia original, que chegou aos cinemas entre o fim dos anos 1970 e e início da década de 1980.

Chewbacca ou Vader?

A saga Star Wars tem agora nove episódios, nos quais Darth Vader é uma personagem essencial.

As partes I, II e III (que estrearam entre 1999 e 2005) contam a infância, adolescência e idade adulta de Anakin Skywalker, um jedi que, no final do episódio III, acaba por passar para o lado sombrio da “Força”.

Mutilado, o seu corpo termina acaba por ser enclausurado numa armadura negra que o mantém vivo.

Os episódios IV, V e VI (os primeiros filmes produzidos, que estrearam entre 1977 e 1983) contam a história do confronto entre Darth Vader e Luke Skywalker, o seu filho, que também se torna um Jedi, o derrota e descobre a sua origem: a famosa frase já citada “Eu sou o teu pai”).

Por fim, nos episódios VII, VIII e IX (2015-2019), alguns vilões aparecem com uma estética inspirada no falecido Darth Vader.

Nascido em 1 de Julho de 1935 em Bristol numa família modesta, David Prowse foi criado pela sua mãe e nunca chegou a conhecer o pai.

Apaixonado pelo halterofilismo,  participou no concurso Mister Universo. Durante os anos em que praticou a modalidade tornou-se amigo de Arnold Schwarzenegger e de Lou Ferrigno.

Prowse, que interpretou o monstro Frankenstein em “Casino Royale” (1967), também apareceu em “Laranja Mecânica” (1971) de Stanley Kubrick, no qual interpretou um segurança.

Foi neste filme que George Lucas o viu e depois o convidou para fazer um teste para os papéis de Darth Vader e Chewbacca.

Prowse escolheu Darth Vader sem hesitar porque, afirmou, “os fãs lembram-se  sempre lembra dos vilões”.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.