Alpes. Sete mortos em quatro acidentes distintos

Os Alpes franceses estão de luto após a morte de sete pessoas, quatro alpinistas, duas que faziam parapente e um excursionista, em quatro acidentes distintos, informaram os serviços de socorro franceses esta quarta-feira.

Dois alpinistas, um holandês e uma francesa, de 40 e 30 anos, respectivamente, sofreram uma queda fatal no maciço de Aiguilles Rouges.

Os seus corpos foram encontrados por equipas de resgate alertadas por uma testemunha. As circunstâncias do acidente ainda são desconhecidas.

Outros dois alpinistas, italianos neste caso, de 66 e 67 anos, sofreram uma queda acidental na noite de terça-feira e os seus corpos foram encontrados nesta manhã no maciço do Mont Blanc.

Nesse mesmo dia, duas pessoas que praticavam voo com parapente morreram após um incidente que provocou uma queda de 200 metros de altitude.

Tratava-se de dois homens, um instrutor e o seu aluno que voavam sobre a cidade de La Chapelle-d’Abondance num parapente de dois lugares.

Além disso, no departamento francês da Alta Sabóia, também nos Alpes, um excursionista de 71 anos morreu após sofrer uma queda quando estava perto do topo do monte de Grange, no maciço de Chablais.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.