Diagnósticos positivos sobem para 37. Novos casos com ligações a Portugal

O Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus anunciou ao início da noite desta sábado que foram registados dois novos casos de pneumonia causada pelo novo tipo de coronavírus no território. As duas novas infecções fizeram subir para 37 o número de infecções detectadas pelos Serviços de Saúde. Ambos os casos têm ligações a Portugal.

O 36º paciente a ser diagnosticado com o novo coronavírus é um jovem de 21 anos que regressou a Macau proveniente de Portugal. O paciente, que tem o estatuto de residente, embarcou a 13 de Março no voo EK 194 da Emirates Airlines. A ligação aérea ligou Lisboa à vizinha Região Administrativa Especial de Hong Kong, com uma escala no Dubai.

O caso é um dos que mais tem intrigado os médicos e especialistas do Centro Hospitalar Conde de São Januário. O jovem chegou a Macau na madrugada do dia 15 de Março, ficando sujeito a observação domiciliária, conforme as indicações em vigor na altura.

Dois dias depois, o jovem foi acometido de febre e de dores de cabeça e foi transportado de ambulância para o hospital público, onde foi submetido a dois testes de recolha de fluídos corporais – a 18 e a 20 de Março – que acabaram por se revelar negativo. O paciente foi enviado para casa e esta sexta-feira foi submetido a um novo teste de despistagem do novo coronavírus, que desta feita acusou a presença do patógeno responsável pela covid-19. Hoje, o jovem foi submetido a uma contra-análise e os resultado voltou a ser positivo.

Diagnóstico positivo a um dia do fim da quarentena 

Este sábado foi também anunciado que o namorado da cidadã sul-coreana que contraiu o novo coronavírus numa deslocação a Portugal também acusou positivo para a covid-19. O paciente, de 32 anos e nacionalidade portuguesa, regressou a Macau a 12 de Março, num voo operado pela Emirates Airlines que fez escala no Dubai. O  casal entrou em Macau através do posto fronteiriço da Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau na madrugada de sexta-feira e o paciente estava desde 16 de Março em observação médica no Centro Clínico de Saúde Pública, depois da noiva ter sido hospitalizada. 

Os resultados de dois testes pelo expediente de zaragatoa nasofaríngea realizados a 16 e 18 de Março foram negativos.

O homem foi este sábado submetido a um novo teste de despistagem do coronavírus que se revelou positivo. O paciente estava no seu último dia de quarentena.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.