Macau. Número de diagnósticos positivos aumenta para os 30

Fotografia: Depois de ter ocultado das autoridades que tinha estado nos Estados Unidos e no Reino Unido, o 30º paciente andou a passear-se pelo território. O restaurante La Gondola foi um dos locais onde esteve.

As autoridades do território anunciaram esta quarta-feira mais um caso de contágio pelo novo coronavírus, elevando o número de infectados para 30 desde o início do surto do novo coronavírus. Em menos de 24 horas foram anunciadas cinco pessoas infectadas com a covid-19.

O 30.º caso trata-se de um visitante australiano, de 52 anos, que antes da chegada ao território esteve em São Francisco, na costa oeste dos Estados Unidos, e no Reino Unido, informou, em comunicado, o Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus. O homem terá iludido das autoridades do território a presença em ambos os países. 

Em 15 de Março apanhou um voo em Londres e no dia 16 de Março chegou à vizinha Região Administrativa Especial de Hong Kong, tendo viajado até Macau através da ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau, indicaram as autoridades. O homem terá iludido das autoridades do território a presença em ambos os países.

O australiano esteve cinco dias em Macau e em 20 de Março planeava “regressar à Austrália via Hong Kong, mas foi-lhe recusada a entrada” e regressou ao território: “De acordo com as directrizes em vigor naquela data”, o australiano foi encaminhado para observação médica em Macau, explicaram as autoridades.

Na terça-feira, “os profissionais de saúde realizaram o teste de zaragatoa nasofaríngea” e  “o resultado da amostra foi positivo e confirmado como pneumonia causada pelo novo tipo de coronavírus”, disseram.

Antes disso, as autoridades de Macau já tinham anunciado mais três casos de contágio de covid-19, elevando o número de infectados para 29 desde o início do surto do novo coronavírus.

Todos os casos são importados, com os três a regressarem do Reino Unido nos últimos dias. Dois são estudantes, de 15 e 17 anos, o terceiro é também um residente de Macau de 28 anos, informou em comunicado o Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus.

Após Macau ter estado 40 dias sem identificar qualquer infecção, em menos de dez dias o território identificou 20 novos casos, todos importados.

Em Fevereiro, Macau registou uma primeira vaga de 10 casos da covid-19, já todos com alta hospitalar. Após a detecção de novos casos, as autoridades reforçaram medidas de controlo e restrições fronteiriças e a obrigatoriedade de quarentena de 14 dias imposta a praticamente todos aqueles que entrem em Macau. 

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infectou mais de 400 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 18.000.

Depois de surgir na República Popular da China, em Dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.