Meio milhar de passageiros deixam amanhã o “Diamond Princess”

Cerca de meio milhar de passageiros vão deixar na quarta-feira o cruzeiro “Diamond Princess”, em quarentena no porto japonês de Yokohama, depois de terem recebido resultados negativos do novo coronavírus. O Covid-19 infectou centenas de pessoas a bordo, anunciou esta terça-feira fonte do Ministério da Saúde.

“O número exacto (de pessoas que vão sair na quarta-feira) ainda varia, mas será em torno de 500 pessoas”, indicou um funcionário do Ministério da Saúde aos jornalistas.

Segundo a mesma fonte, apenas aqueles que tiveram resultado negativo no teste de detecção do coronavírus e que não tiveram contacto próximo com uma pessoa infectada poderão sair do navio de cruzeiro.

Vários países, incluindo o Reino Unido, já anunciaram a sua intenção de repatriar os seus cidadãos que estão a bordo do navio Diamond Princess.

Cerca de 3.700 passageiros e tripulantes de 56 nacionalidades estavam inicialmente a bordo do navio, colocado em quarentena no início do mês na baía de Yokohama, perto de Tóquio, depois de um caso confirmado do novo coronavírus num dos passageiros que desembarcou na vizinha Região Administrativa Especial de Hong Kong.

Todos os passageiros receberam ordens para permanecerem no navio durante pelo menos 14 dias, no entanto essa medida não impediu a propagação do vírus e pelo menos 542 pessoas foram infectadas. Só hoje foram confirmados 88 novos casos a bordo.  De acordo com o Ministério da Saúde japonês, um novo lote de testes com 681 pessoas a bordo do navio de cruzeiro – que inicialmente tinha 3.700 passageiros a bordo – revelou 88 novos casos positivos. São ainda esperados resultados de mais exames, de acordo com a mesma fonte.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.