Jogo. Receitas caíram 8,6 por cento em Agosto

As concessionárias de jogo do território encerraram o mês de Agosto com receitas brutas de 24,26 mil milhões de patacas (2,73 mil milhões de euros). A fasquia esconde uma queda de 8,6 por cento face a igual período do ano passado.

É o segundo mês consecutivo e o quinto em 2019 em que os casinos do território apresentam uma queda nas receitas do jogo face ao período homólogo, de acordo com a Direção de Inspecção e Coordenação de Jogos (DICJ).

Ao mesmo tempo, as receitas brutas acumuladas desde o início do ano registaram uma descida de 1,9 por cento face a 2018.

Entre Janeiro e Agosto, as receitas brutas foram de 198,22 mil milhões de patacas (22,33 mil milhões de euros), de acordo com os dados publicados no portal electrónico da Direcção de Inspecção e Coordenação de Jogos.

No território, recorde-se, operam seis concessionárias e subconcessionárias de jogo: a Sociedade de Jogos de Macau, fundada pelo magnata Stanley Ho, e ainda a Galaxy, Venetian, Melco Resorts, Wynn e MGM.

Em 2018, as receitas dos casinos na capital mundial do jogo cresceram 14 por cento, para 302,8 mil milhões de patacas (cerca de 33 mil milhões de euros).

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.