Fórmula 3. Voo de Sophia Florsch deixou cinco feridos – oficial

A piloto alemã, que ficou consciente após o embate, esta entre as cinco pessoas que foram transportadas ao Centro Hospitalar Conde de São Januário para observação e tratamento médico. Entre os feridos, estará também o japonês Sho Tsuboi, piloto que é abalroado pelo Dallara Mercedes de Florsch e ainda dois fotógrafos e um comissário de pista.

O incidente protagonizado pela piloto alemã Sophia Florsch na Curva do Lisboa deixou feridas cinco pessoas, revelou a Comissão Organizadora do Grande Prémio de Macau num curto comunicado.

Numa declaração provisória transmitida aos jornalistas que acompanham a edição número 65 do Grande Prémio de Macau, o organismo liderado por Pun Weng Kun confirma que, para além de dois pilotos, o incidente deixou ferimentos em três outras pessoas, dois fotógrafos e um comissário de pista.

A Comissão Organizadora do Grande Prémio de Macau assegura que os cinco feridos estavam conscientes quando foram transportados para o Centro Hospitalar Conde de São Januário, onde se encontram a receber tratamento médico.

O organism prontifica-se ainda a libertar atempadamente mais informação relativa ao estado clínico dos feridos. O grave acidente protagonizado por Sophia Florsch é o terceiro ao longo dos quatro dias da edição número 65 do Grande Prémio de Macau a obrigar à hospitalização de pilotos. Na quinta-feira,  os motociclistas Andrew Dudgeon e Raul Torras foram conduzidos aos hospital na sequência de quedas sofridas na primeira sessão de treinos livres do Grande Prémio de Motos. Ontem, durante a 52a edição do Grande Prémio de Motociclismo propriamente dito, os britânicos Philip Crowe e Ben Wylie protagonizaram nova queda na tenebrosa Curva dos Pescadores, mas apenas Wylie acabou por ser conduzido ao Centro Hospitalar Conde de São Januário. 

Aos três motociclistas juntou-se, então, esta tarde Sophia Florsch e um segundo piloto, supostamente o que foi abalroado pelo sinistro voo protagonizado pelo Dallara Mercedes da piloto alemã, o japonês Sho Tsuboi.

A Federação Internacional do Automóvel emitiu entretanto um breve comunicado em que dá conta de que Sophia Floersch estava consciente quando foi transportada ao hospital público do território: “Um acidente grave ocorreu na quarta volta do Taça do Mundo de Fórmula 3 da FIA envolvendo o carro #25, de Sophia Florsch. A piloto foi submetida a avaliação médica, está consciente e foi posteriormente conduzida ao hospital para avaliação”, assegura a FIA.

Em informações avançadas pouco após o acidente, o Canal Plus adiantava – tendo por bases alegadas informações avançadas pelas equipas médicas – que três fotógrafos e um cameramen teriam sofrido ferimentos graves, mas a informação não coincide com os dados preliminares avançados pela Comissão do Grande Prémio.

Reatada ao fim de uma intermissão de mais de uma hora, a Taça do Mundo de Carros de Turismo foi ganho pelo segundo ano consecutivo pelo britânico Daniel Ticktum, que relegou o franco-argentino Sacha Fenestraz para o segundo lugar do pódio e o sueco Joel Eriksson para o terceiro posto da tribuna de honra.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.