Pacífico-Sul. A terra tremeu nas ilhas Lealdade

O arquipélago, subordinado à Nova Caledónia, foi abalado por um sismo de magnitude 6,3 na escala de Richter. O abalo não terá provocado nem vítimas mortais, nem prejuízos de maior, de acordo com as autoridades daquela possessão francesa do Pacífico.

Um terramoto de magnitude 6,3 atingiu as Ilhas Lealdade, um remoto arquipélago pertencente ao território francês da Nova Caledónia, no Pacífico Sul. As primeiras informações não davam conta de vítimas, de danos ou risco de tsunami destrutivo, de acordo com as autoridades.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês), que monitoriza a actividade sísmica global, registou o hipocentro a 10 quilómetros de profundidade. O USGS localizou o abalo a 170 quilómetros a leste de Tadine, na ilha da Maré, e a 314 quilómetros a leste de Noumea, capital da Nova Caledónia.

O Serviço de Alerta de Tsunamis do Pacífico elevou a magnitude estimada para 6,5, mas indicou que, com base em todos os dados disponíveis, “não se espera um tsunami destrutivo no Pacífico”.

A Nova Caledónia está localizada perto do chamado Anel de Fogo do Pacífico e dos vulcões submarinos da Bacia de Lau, uma zona muito afectada por abalos sísmicos.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.