Receitas do sector da construção civil caíram 19 por cento

Durante o ano passado, as empresas do sector registaram receitas no valor de quase 66 mil milhões de patacas, um valor que ficou aquém do obtido em 2016. A Direcção dos Serviços de Estatísticas e Censos justifica a queda com a conclusão progressiva das instalações relativas a hotéis e espaços de entretenimento.

O sector da construção em Macau registou receitas em 2017 de 65,91 mil milhões de patacas (7,1 mil milhões de euros), menos 18,8 por cento que no período homólogo do ano anterior, revelaram esta terça-feira as autoridades locais.

O valor das obras caiu devido “à conclusão em 2016 de obras de instalações de hotéis e entretenimento”, mas também devido “ao número reduzido de projectos de dimensão semelhante em 2017”, de acordo com um comunicado da Direcção dos Serviços de Estatísticas e Censos de Macau (DSEC).

Em 2017, o valor das obras de instalações de hotéis e entretenimento diminuiu 34,1 por cento, para 31,59 mil milhões de patacas, relativamente a 2016. No ano passado existiam 3.061 estabelecimentos no sector da construção, um aumento de 141 empresas face a 2016.

De acordo com a DSEC há a registar menos 3.356 trabalhadores na construção em 2017 do que no ano anterior, tendo sido contabilizado um total de 41.960 no ano passado.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.