Arábia Saudita. Mulheres ao volante a partir de 24 de Junho

As autoridades de Riad considera que estão reunidas as condições para que as cidadãs sauditas comecem a conduzir automóveis. O dia 24 de Junho é o primeiro em que as mulheres terão liberdade para partir ao assalto das estradas do reino.

As mulheres sauditas terão o direito de conduzir automóveis a partir de 24 de Junho, de acordo com um comunicado publicado pelo governo de Riad na terça-feira.

“Estão reunidas todas as condições para que as mulheres comecem a dirigir”, afirmou Mohamed al-Basami, director do Departamento de Trânsito saudita, um organismo vinculado ao Ministério do Interior do país.

O decreto real que autoriza as mulheres a dirigir deverá entrar em vigor em 24 de Junho, indicou al-Basami, um militar com a patente de general. As cidadãs sauditas com idade superior a 18 anos terão o direito de se submeter a exame para obter a carta de condução, explicou Basami.

Cinco cidades do reino wahabita criaram escolas de condução especialmente para acolher mulheres. As sauditas com cartas de condução estrangeiras poderão trocá-las por documentos sauditas.

O rei Salman decidiu, em Setembro de 2017, acabar com a lei que proibia as mulheres sauditas de conduzir como parte de uma nova política inspirada pelo jovem príncipe herdeiro, Mohamed bin Salman.

A Arábia Saudita, o único país do mundo que proibia as mulheres de dirigir, está a passar por uma série de reformas que deverão possibilitar uma maior participação feminina na vida económica e social do país. As mulheres sauditas ainda estão sujeitas, no entanto, a um sistema de tutela masculino e continuam a necessitar da autorização de um homem da família para viajar, estudar ou exercer determinadas funções.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.