Cidadão da China detido por suspeita de roubo

O homem é suspeito de ter assaltado um apartamento na ilha da Taipa em meados de Abril. O alegado assaltante teve o apoio de um cúmplice que ainda se encontra a monte na República Popular da China.

A Polícia Judiciária procedeu à detenção de um cidadão do Continente, suspeito de ter assaltado um apartamento na ilha da Taipa a 18 de Abril. As forças de segurança do território foram notificadas um dia depois pelos inquilinos do imóvel de que o apartamento teria sido roubado enquanto se encontravam ausentes do território, noticiou a emissora em língua chinesa da Rádio Macau.

Na queixa que apresentaram à polícia, as vítimas deram conta do desaparecimento de notas e moedas comemorativas e ainda de moeda estrangeira no valor de 36 mil patacas.

Depois de conduzir uma bateria de investigações, a Polícia Judiciária dois suspeitos. Os autores do roubo terão subido por uma caleira e partido uma janela para entrar no apartamento. Os dois homens abandoaram Macau logo depois de terem cometido o roubo, mas um regressou ao território na segunda-feira, tendo sido interceptado e detido pela Polícia Judiciária. O outro suspeito ainda se encontra a monte.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.